Notícias

Sesi e Senai trabalham pelo desenvolvimento da indústria e do Brasil

Há mais de 70 anos, as duas instituições qualificam trabalhadores e ajudam a aumentar a competitividade das empresas brasileiras. Transparência e eficiência são princípios básicos da gestão e da aplicação dos recursos arrecadados

 

Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) e o Serviço Social da Indústria (Sesi) existem para melhorar a produtividade e a competitividade das empresas, além de promover o crescimento econômico e social do Brasil. As duas instituições – que oferecem educação básica, educação profissional, apoio à inovação e serviços de saúde e segurança no trabalho para empresários e trabalhadores – são mantidas por recursos oriundos de contribuições compulsórias da indústria. As empresas industriais recolhem o equivalente a 1,5% da folha de pagamento para o Sesi e 1% da folha de pagamento para o Senai, com exclusão das pequenas empresas que aderiram à legislação do Simples.



A contribuição compulsória é aplicada em recursos físicos ou humanos necessários ao bom desempenho do Sesi e do Senai no cumprimento de seus objetivos. Prova disso é que, ao longo de 75 anos de atuação, o Senai construiu o maior complexo de educação profissional das Américas e um dos maiores do mundo (veja quadro abaixo).

 

Ao longo de sua história, o Senai já formou mais de 71 milhões de pessoas em 28 áreas da indústria brasileira, desde a iniciação profissional até a pós-graduação tecnológica. A instituição também é a maior rede de apoio à capacitação tecnológica e à inovação da indústria do país. Além disso, está implantando uma rede de 25 Institutos, que desenvolvem projetos de pesquisa aplicada e inovação para a indústria brasileira, contando atualmente com 356 projetos de novos produtos e processos industriais.

 

O Sesi, por sua vez, tem 1.248 escolas e unidades fixas e móveis de saúde. No ano passado, realizou mais de 1,7 milhão de matrículas em educação básica e continuada. A instituição é referência nacional e internacional na oferta de serviços em saúde e segurança no trabalho para reduzir faltas ao trabalho e aumentar a produtividade dos trabalhadores. Em 2016, atendeu mais de 3 milhões de pessoas com serviços de saúde e segurança.

 

Contas são fiscalizadas por 9 instituições públicas e privadas

 

 

A administração e a aplicação dos recursos do Sesi e do Senai arrecadados das empresas sempre seguiram os princípios da ética, da transparência e da eficiência. Todas as informações sobre os orçamentos, as demonstrações contábeis e vários outros dados sobre a gestão e as contas das duas instituições estão disponíveis nas páginas “Transparência” disponíveis nos sites das duas entidades. Além disso, elas cumprem rigorosamente as exigências legais, prestam contas à sociedade e são auditados por 9 instituições públicas e privadas.



As contas do Sesi e do Senai são fiscalizadas rigorosamente pelo Tribunal de Contas da União (TCU) e pela Controladoria Geral da União (CGU). Também são controladas pelo Ministério da Educação, pelo Ministério do Trabalho, pelo Ministério do Desenvolvimento Social, pelo Conselho Nacional, pelas comissões regionais de contas das duas instituições e por auditorias externas independentes.

 

Trabalho é reconhecido por empresários e organismos internacionais


Graças à aplicação eficiente e transparente dos recursos, o Sesi e o Senai são aprovados pelos empresários que contribuem para o sistema. Pesquisa realizada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) com 3.921 estabelecimentos industriais mostra que 88% dos entrevistados afirmaram estar “Satisfeitos” ou “Muito Satisfeitos” com o Senai em 2016. A avaliação do Sesi segue o mesmo comportamento positivo: 84% dos estabelecimentos atendidos afirmaram estar “Satisfeitos” ou “Muito Satisfeitos” com a instituição. Os entrevistados foram unânimes em afirmar que o “Sesi-Senai são essenciais para a indústria brasileira”.

 

A excelência do trabalho das duas instituições tem também reconhecimento internacional. A Organização das Nações Unidas (ONU) reconheceu o Senai como uma das três mais importantes instituições para garantir educação de qualidade nos países do Hemisfério Sul. Outra demonstração da excelência da educação profissional do Senai foi o 1º lugar obtido por seus alunos em 2015 na Worldskills, a olimpíada internacional de educação profissional, ficando à frente de equipes de países como Coreia do Sul e Alemanha.

 

O Sesi é referência em ações destinadas a melhorar a saúde e a segurança no trabalho. Seis iniciativas da instituição foram selecionadas e serão apresentadas no 21º Congresso Mundial de Segurança e Saúde no Trabalho, que ocorre de 3 a 6 de setembro, em Singapura. O evento tem como objetivo a troca de informações e experiências entre especialistas do setor e representantes de empresas e governos.

 

Da Agência CNI de Notícias-Assessoria de Comunicação Social do Sistema Fiero

« Voltar